back to top

A difícil trajetória de Thiago Braz para chegar ao ouro olímpico

"É pau, é vara/é o Thiago subindo/é o sarrafo de ouro/é o menino sorrindo..."

publicado

Dono do segundo ouro do Brasil na Olimpíada, o atleta Thiago Braz, do salto com vara, fez a melhor marca de toda a sua carreira e quebrou o recorde olímpico: saltou 6,03 metros.

Até então, a maior altura que o atleta havia saltado em competições era 5,93 metros, durante uma disputa em Berlim, no início deste ano.

Ele bateu o francês Renaud Lavillenie, favorito na prova, que ganhou a medalha de ouro na Olimpíada de Londres, em 2012.

A marca histórica foi só um capítulo na trajetória de superação de Thiago. Criança, ele foi abandonado pelo pai e pela mãe — acabou criado pelos avós maternos, a quem chama de pais.

Publicidade

Nesta reportagem do Globo Esporte, a avó de Thiago conta que, quando a mãe dele foi embora, o menino passou dias com a mochila nas costas esperando ela voltar.

Quando tinha 17 anos, Thiago enviou um email para Elson Miranda, técnico e marido da campeã mundial Fabiana Murer. Ele pedia uma chance — e conseguiu.

O treinador impôs algumas condições para aceitar que o atleta passasse a integrar sua equipe. Thiago seguiu tudo à risca.

Foi por Elson e Fabiana que Thiago conheceu o ucraniano Vitaly Petrov, treinador da russa Yelena Isinbayeva e da maior lenda do salto com vara, o também ucraniano Sergey Bubka.

Em 2014, ele se mudou para a Itália a fim de treinar em tempo integral com o treinador, mas fez alguns estágios antes:

Thiago Braz já passou pelos 5,50m no salto com vara. Vitaly Petrov presente no Mundial Júnior, em Barcelona, e orientando o brasileiro.

Em meio a tudo isso, Thiago, então com 20 anos, se casou com Ana Paula Oliveira, também atleta do salto com vara.

Depois de ganhar o ouro, Thiago foi à área de convidados assim que pôde, e tascou um beijão em Ana Paula.

Em 2014, recém-casado, ele declarou ao Globo Esporte: "É uma nova etapa da minha vida, junto com a Ana Paula. Acabamos de casar, vamos ter nossa lua de mel lá juntos. Não vai ser bem uma lua de mel, vamos treinar juntos. Talvez a gente tenha lua de mel, talvez não, porque não pode parar o treino".

Depois de perder no Pan 2015, em Toronto, Thiago se isolou no Rio Grande do Norte para treinar.

Ele estava bastante focado em competir no Rio. Em 5 de agosto de 2015, ele tuitou o seguinte:

1 ano para os Jogos Olimpicos Rio 2016 🇧🇷🏃🏻💨 #nike #cob #cbat #orcampi #vaibrasil #rio2016… https://t.co/JYC5bfxbQw

Nesta terça (16), o próprio Sergey Bubka, maior astro da história do salto com vara, deu os parabéns para Thiago:

what a fantastic PV competitions @Rio2016 Great thanks to both @airlavillenie & @ThiagoBrazPV Congrats winner & my coach Vitaly Petrov

"Que competição fantástica de salto com vara na Rio 2016. Meus agradecimentos tanto ao Renaud Lavillenie como ao Thiago Braz. Parabéns ao vencedor e ao meu técnico, Vitaly Petrov."

E, assim, Thiago superou os obstáculos que apareceram no seu caminho e conquistou o ouro olímpico.

é pau, é vara é o thiago subindo é o sarrafo de ouro é o menino sorrindo


Em parceria com

Every. Tasty. Video. EVER. The new Tasty app is here!

Dismiss