back to top

We’ve updated our privacy notice and cookie policy. Learn more about cookies, including how to disable them, and find out how we collect your personal data and what we use it for.

"Se eu não tenho apoio do Congresso eu tô ferrado", disse Temer a Joesley

Logo depois, segundo o relatório da PF, o presidente completou: "Não tenho apoio da imprensa. Entendeu? (Risos.) Então, é fogo."

publicado

Na conversa em que foi gravado pelo empresário Joesley Batista, em 7 de março deste ano, o presidente Michel Temer (PMDB) disse: "Ainda bem que eu tenho apoio do Congresso. Se eu não tenho apoio do Congresso eu tô ferrado."

O diálogo ocorreu logo no início do encontro — aparece aos seis minutos do áudio. Temer comenta as reformas que pretende avançar no Congresso, e comenta a oposição que sofreu no início de seu governo.

"Eles lançaram o negócio do golpe, golpe, golpe... Não passou", disse o presidente, de acordo com o relatório da Polícia Federal.

Mais à frente, Temer faz o comentário oposto em relação à imprensa: "Não tenho apoio da imprensa. Entendeu? (Risos.) Então, é fogo."

A Procuradoria-Geral da República deve apresentar denúncia contra Temer ainda esta semana. O Supremo Tribunal Federal só pode instaurar uma ação penal, porém, com o aval da Câmara dos Deputados — para que isso ocorra, ao menos dois terços dos deputados precisam votar a favor da denúncia.

Veja também:

Janot quer que Temer pague R$ 10 milhões para reparar danos por corrupção

Denúncia que acusa presidente Temer de corrupção chega ao STF

Dinheiro para calar Cunha era “única interpretação possível” de conversa, diz PF

Alexandre Aragão é Repórter do BuzzFeed e trabalha em São Paulo. Entre em contato com ele pelo email alexandre.aragao@buzzfeed.com

Contact Alexandre Aragão at alexandre.aragao@buzzfeed.com.

Got a confidential tip? Submit it here.