9 fotos raras em cores do romance de Marilyn Monroe e Arthur Miller

A estrela icônica de cinema e o dramaturgo/autor constituíam um casal pouco provável, apelidado de “o Cabeça-de-Ovo e a Ampulheta”.

 

Em 29 de junho de 1956, Marilyn Monroe se casou com o dramaturgo, escritor e roteirista Arthur Miller — depois de, supostamente, terem tido um caso por um ano. À primeira vista, a glamourosa sex symbol e o dramaturgo bem-sucedido constituíam um casal pouco provável, com motivos não muito saudáveis ​​para serem atraídos um pelo outro. Monroe desejava ser bajulada e se aprimorar, enquanto Miller adorava o estímulo ao ego que acompanhava ser casado com a mulher mais desejada do mundo.

1.
SNAP / Rex / REX USA

Foi o terceiro casamento de Marilyn e o segundo de Miller — ele deixou a esposa para ficar com ela.

2.
Sam Shaw / REX USA

Sobre seu relacionamento com Marilyn, Miller escreveu: “Ela era uma luz dançante para mim na época, um paradoxo e um mistério sedutor, durona em um momento, depois levantada por uma sensibilidade lírica e poética que poucos mantêm após do início da adolescência”.

3.
Sam Shaw / REX USA

Pouco depois de seu casamento, Marilyn arriscou sua carreira ao testemunhar a favor de Miller, que estava sendo investigado por supostas atividades comunistas. Ele acabou sendo declarado culpado de desacato ao Congresso pelo Comitê de Atividades Antiamericanas por se recusar a revelar os nomes de escritores supostamente comunistas.

Felizmente, a convicção de Miller foi anulada, o que se acredita ter sido devido à intervenção de Marilyn.

4.
Sam Shaw / REX USA

Marilyn tem um momento de diversão na casa deles em Roxbury, Connecticut.

5.
Sam Shaw / REX USA

Miller e Monroe fazem uma caminhada romântica em Nova York.

6.
Sam Shaw / REX USA

Os dois posando em frente a Ponte do Queensboro.

7.
Peter Stackpole / Time & Life Pictures / Getty Image

Um momento de ternura entre os dois enquanto dançam no “An April in Paris Ball” (Baile Um Abril em Paris), realizado no Waldorf Astoria, em Nova York.

8.
Sam Shaw / REX USA

Infelizmente, o casamento deles foi turbulento, devido principalmente à deterioração da saúde física e mental de Marilyn.

9.
Archive Photos / Stringer / United Artists / Getty Images

Como um último esforço para salvar seu casamento e ajudar Marilyn a superar um aborto espontâneo, Arthur escreveu o roteiro do filme “Os Desajustados” para ela como um presente de Dia dos Namorados. O filme não só trouxe a ela aclamação da crítica, como também foi seu último filme completo.

Marilyn e Miller se divorciaram no ano seguinte.

Check out more articles on BuzzFeed.com!

Este post foi traduzido por usuarios de Duolingo, um serviço que ajuda estudantes de idiomas praticar suas hablidades traduzindo textos do dia-a-dia para suas línguas maternas. Queremos continuar crescendo e melhorando o nosso conteúdo. Se você tiver sugestões ou comentários envie-nos um email ao brasil@buzzfeed.com. Obrigado!

Conversas no Facebook
Buzzing agora